24
Fev 10

É uma das maiores preocupações da mulher. As gravidezes e as dietas rápidas são fatídicas para esta zona, que sofre, com estes processos, uma grande distensão. Se ganhou peso, mesmo que o tenha conseguido voltar a perder, é possível que não consiga livrar-se das pregas, dos pneus e até de alguma celulite nesta zona.

As digestões difíceis também propiciam o aumento desta parte do corpo, que pode acumular ar e inchar.

Uma alimentação correcta, evitando o sal na medida do possível, o exercício regular e beber muitos líquidos (evitando as bebidas gaseificadas) são medidas fundamentais para favorecer o adelgaçamento da barriga.

Como solucionar o problema:

O primeiro passo para perder barriga é eliminar as gorduras que tem acumuladas e isto consegue-se queimando-as com exercício aeróbio e controlando a alimentação para evitar o seu reaparecimento.

Para além de controlar o que come e fazer exercício aeróbio, tem de trabalhar os músculos da barriga para que fique dura. Ter um abdómen forte vai melhorar a sua postura e fazê-la parecer mais esbelta. O músculo abdominal mais importante para auxiliar na postura é o transverso abdominal.

Ele também é muito eficaz para que se venha a ter uma diminuição do perímetro da cintura. O principal exercício para trabalharmos o transverso é a prancha: posicione-se de barriga para baixo, com os cotovelos apoiados no chão à largura dos ombros, joelhos apoiados no chão e afastados na distância da bacia, e o olhar fixo no chão.

Mantenha essa posição por 30 segundos, duas vezes, e aumente o tempo de contracção gradualmente. Preste atenção à zona lombar: qualquer incómodo nessa região deve-se interromper o exercício.

Abdominais, abdominais, abdominais! Não duvide. É difícil começar mas são os exercícios mais eficazes para recuperar a firmeza e a elasticidade da barriga. Lembre-se: o melhor é fazer poucos mas bem do que muitos e mal.

Ajuda extra...

As massagens drenantes são muito benéficas para diminuir o ventre e muito boas para a tonicidade da pele. O único problema é que requerem tempo e é fundamental que a massagem seja feita por uma pessoa com formação adequada.

Se for persistente e combinar as massagens com a aplicação de cosméticos adelgaçantes, conseguirá combater o excesso de gordura nesta zona sem ter recorrer à cirurgia (lipoaspiração).

Sugestão

Faça um exercício cardiovascular (aeróbio) e, logo de seguida, exercícios abdominais. Isso vai fazer com que o seu metabolismo comece a funcionar mais depressa e a queimar mais calorias.

Lembre-se que para executar abdominais da maneira certa o mais importante é contrair bem a barriga, manter o pescoço sempre no prolongamento das costas, certificar-se de manter uma boa postura e fazer uma respiração correcta (quando fizer esforço, expire o ar, e quando relaxar os músculos, inspire).

Os abdominais vão servir para a endurecer mas se não eliminar gordura, não vai notar resultados.

O exercício aeróbio é aquele em que utilizamos o sistema aeróbio como fonte de energia, onde, a partir de uma certa intensidade e duração, passamos a utilizar as reservas de gordura que temos acumulada, em detrimento das reservas de hidratos, como fonte de combustível para a realização do exercício. Correr, nadar, jogar ténis, fazer aeróbica ou andar a bom ritmo são exercícios aeróbios.

 

publicado por dama-de-copas às 21:21
sinto-me:

Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
12
13

14
17
18
20

21
26
27

28


RSS
Visitantes
Tracking Visitors
Visit Counter
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
as minhas fotos
Dama de Copas no Flickr
Dama de Copas no Facebook
Dama de Copas no Twitter
Contactar a Dama de Copas